sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Karmas


Eu sou diferente.
Creio, pelo menos, que sou assim.
Não tenho certas frescuras que algumas meninas tem. Não fico toda hora arrumando o cabelo ou retocando a maquiagem. Não dou gritinhos ou ando como uma metida. Tenho -ou pelo menos tinha- mais amigos homens do que amigas mulheres e sempre tive um bom papo e assuntos diversificados. Como uma vez me disseram eu sei "falar e ouvir na hora certa". Engraçado é que o garoto que me disse isso se apaixonou por mim e eu, pelo melhor amigo dele.
Adoro filmes, livros, quadrinhos e muitas outras coisas que os garotos também gostam. Sou tão amiga quanto um cachorro -sim, mas somente na parte de estar com a pessoa quando precisa, sem piadinhas idiotas, ok?- mas também falo na cara quando vejo algumas merdas.
Meu karma é sempre gostar de quem não gosta de mim ou então, gostar de alguém que está há quilômetros de distância. Acho que acabei me acostumando com isso.
Não ligo para aparências e sempre procuro -e encontro- beleza nas pessoas que se dizem "feias". E me apaixono por elas. Opa! Mais um karma.
Realmente, um escritor qualquer acertou quando disse "Eu acho que não sei fechar ciclos, colocar pontos finais. Comigo são sempre vírgulas, aspas, reticências...". Frase altamente explicativa. Porém, ao mesmo tempo, acabo por construir novos ciclos, me apaixonar mais uma vez por pessoas impossíveis e cair, esperando nunca chegar ao chão. Mas eu sempre chego e me machuco demais.
Verônica Heiss disse "Cansei de me apaixonar por olhos piedosos, de viver a espera de alguém que talvez nem exista [...]" e também concordo com ela. Acho que me apaixonar por olhos piedosos pode ser considerado mais um karma meu. Às vezes espero que alguém diga o que sente, que me faça carinho e roube um beijo, mas parece que os garotos tem certo receio de mim. Até hoje só tive um beijo roubado e bem, as coisas não deram certo.
Agora só me resta esperar alguém que não queira mudar nada em minha pessoa. É, vou sentar e esperar...

Nenhum comentário:

Postar um comentário