quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Repetir


Chovia forte. Minha calça já estava encharcada, minha meia afogada dentro do All Star, a camisa colada no corpo. Não liguei para esses detalhes, continuei seguindo meu caminho. O som do piano saindo dos fones e entrando em meus ouvidos e meus lábios se mexendo numa cantoria muda, falando cada palavra, cada letra que formava a música. Alguém passou por mim, esbarrando em meu ombro. A dor e a falta de um pedido de desculpas não tirou a atenção do meu caminho. A música se repetiu, trazendo uma enxurrada de lembranças. Junto da chuva, minhas lágrimas iam embora. Continuei andando, as pessoas me olhando de maneira estranha como se o fato de andar sem algo para me proteger da água que caia sem dó do céu fosse inimaginável. Eles não me conheciam e eu não devia satisfações a ninguém. O asfalto deu lugar a areia. Arranquei o sapato de meus pés e senti os grãos molhados entre meus dedos. Dei um sorriso triste. E a música repetiu mais uma vez. Olhei para as ondas que quebravam na praia, a chuva começando a ir embora. Joguei a mochila no chão, não sem antes tirar de dentro dela uma caixa onde guardava as melhores e mais tristes lembranças da minha vida. Voltei a andar, indo direto para a água. Estava morna. Caminhei até onde ela pairasse em minha cintura e então abri a caixa. Papéis, desenhos, objetos que guardava a sete chaves, longe da visão de todos, coisas de uma vida toda que sumiriam em poucos momentos. As lagrimas voltaram mais forte e num acesso de fúria, atirei a caixa longe, tudo se espalhando na água salobra. Mais uma repetição da música. Coloquei a mão em meu rosto tentando conter as lágrimas e sem pensar duas vezes, virei em direção a praia e caminhei. Sentei na areia vendo lembranças preciosas desaparecerem no horizonte. Agarrei minha mochila e soltei um grito contido. Respirei fundo tentando me acalmar de toda aquela fúria misturada à tristeza. Levantei quando a chuva retornou forte. Voltei a andar. A areia deu lugar ao asfalto. E a música repetiu-se novamente.

2 comentários: